Back

Brasileiros desenvolvem barra de cereais probiótica com Saccharomyces cerevisiae

Os alimentos funcionais vem ganhando grande destaque na alimentação da população e os pesquisadores demonstram em seu trabalho o impacto dos probióticos na saúde humana. Segundo eles, geralmente os probióticos são comercializados suplementando alimentos lácteos ou em cápsulas medicamentosas, indicadas para recomposição da microbiota intestinal, sendo, em sua grande maioria, utilizados micro-organismos dos gêneros Lactobacillus spp. e Bifidobacterium spp. Porém os veículos para probióticos lácteos dificulta o consumo por parte de uma parcela da população que não consumem derivados de leite ou produtos de origem animal.

Pensando nisto, os pesquisadores da Universidade Federal do Tocantins buscaram desenvolver uma barra de cereais probiótica contendo Saccharomyces cerevisiae que possue propriedades probióticas.

Saccharomyces cerevisiae

Diante do desafio, uma mistura de chocolate inoculada com 8 log10 células/mL viáveis da levedura foi inserida sobre a superfície da barra de cereais e verificou-se os parâmetros físicos, químicos e sensoriais, e quantificado o número de células durante o período de armazenamento, até a morte celular da levedura.

Os resultados foram muito interessantes. A levedura probiótica Saccharomyces cerevisiae UFMG 905 aplicada à camada de chocolate das barras de cereais não ocasionou alterações físicas e químicas indesejáveis, além de não ter afetado os atributos sensoriais avaliados.

Os pesquisadores ponderaram que na matriz alimentícia utilizada, as células microbianas vivas não ultrapassaram 45 dias e, por isso, novos estudos devem ser realizados com a finalidade
de ampliar o tempo de prateleira do produto.

Gostou da pesquisa e quer vê-la por completo? Entre no link das referências.

Essa e outras notícias você pode encontrar no blog da Agron Food Academy, vamos ajudar a divulgar a ciência!

Referência: BALIZA, Drielly Dayanne Monteiro dos Santos; SILVA, Juliana Fonseca Moreira da; PIMENTA, Raphael Sanzio. Avaliação da aplicabilidade de uma cepa probiótica de Saccharomyces cerevisiae em barras de cereais. Revista Brasileira de Tecnologia de Alimentos , v. 21, 2018. https://doi.org/10.1590/1981-6723.14817  

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Leave A Reply