INFLUÊNCIA DA CULTURA ALIMENTAR JAPONESA NA REGIÃO OESTE DO PARÁ

Resumo: O consumo da culinária japonesa ocorre nas metrópoles brasileiras, compondo com a pluralidade gastronômica nacional e regional, um cenário instigante de pesquisa sobre os processos e as manifestações culturais no mundo contemporâneo. Nas últimas décadas, a crescente aceitação de uma dieta mais diversificada de alimentos para manter a saúde, contribuiu para um aumento sem precedentes da culinária japonesa no exterior, com o crescimento intenso do número de restaurantes japoneses nas principais cidades do mundo. Assim, o trabalho objetivou analisar a influência da cultura alimentar japonesa na alimentação da população residente na região oeste do Pará, e o perfil desses consumidores. Os dados da pesquisa foram coletados por meio de questionário online, onde foram feitas nove perguntas com respostas estruturadas, sobre o perfil dos participantes e a influência da cultura alimentar japonesa nos hábitos alimentares desses consumidores. Os resultados foram analisados no programa Microsoft Excel®, do pacote Microsoft Office®, para estatística descritiva dos dados, em porcentagem. Foram registradas 475 respostas no questionário online, durante o mês de junho de 2022, por um período de 15 dias. Na região oeste do Pará, a maioria dos participantes (54,53%) são residentes do município de Santarém, do gênero feminino, com renda familiar per capita até um salário mínimo e não apresentam ascendência japonesa e/ou convivem com descendentes japoneses. A cultura alimentar japonesa influencia o hábito alimentar de parte da população, principalmente no consumo de produtos como shoyu (molho de soja), lámen (macarrão instantâneo/miojo), sushi, sashimi e yakissoba -pratos da culinária japonesa.

Autores: Aliza Thieko Fernandes Taketomi; Sabrina Emily Pedroso Vidal; Élcio Meira da Fonseca Júnior; Maria Lita Padinha Correa Romano; Fabrizia Sayuri Otani

Consultar afiliações no livro

DOI: 10.53934/9786599539695-11

ISBN: 978-65-995396-9-5

Capítulo do livro: Ciência e Tecnologia de Alimentos: Pesquisas e Avanços, Vol. 3

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta

//
//
Jaelyson Max
Atendimento Agron

Me envie sua dúvida ou problema, estou aqui para te ajudar!

Atendimento 100% humanizado!