POTENCIAL DE APROVEITAMENTO TECNOLÓGICO DOS RESÍDUOS DA FILETAGEM DA TILÁPIA DO NILO (Oreochromis niloticus L.): UM ESTUDO DE REVISÃO

Resumo:

O pescado é considerado um alimento fonte de proteínas, além de oferecer outros nutrientes fundamentais para saúde humana, tais como vitaminas, minerais e ácidos graxos essenciais. Dentre os peixes mais produzidos e consumidos no Brasil, têm-se a tilápia do Nilo, que se caracteriza por sua carne branca, com sabor delicado e textura firme. Neste sentido, um dos principais produtos oriundos da tilápia é o filé, uma vez que é muito procurado pelos consumidores. Porém, para a obtenção do filé, ocorre a geração de inúmeros resíduos provenientes do processo de filetagem, que são descartados causando assim vários danos ao meio ambiente. Nesta perspectiva, objetivou-se com esta pesquisa, verificar o potencial de aproveitamento tecnológico dos resíduos da filetagem da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus L.) através de um estudo de revisão. Os dados coletados, revelaram que o rendimento do filé na produção de tilápia corresponde de 35 a 40% do peso total, resultando em valores de 60 a 70% de resíduos e que estes podem ser aproveitados na forma de farinha de pescado, óleo de peixe, nuggets, fishburgers, snacks, embutidos, patês, concentrados proteicos e farinhas, agregando assim valor a matéria-prima que antes seria descartada. Ademais, o aproveitamento tecnológico dos resíduos provenientes da filetagem da tilápia do Nilo, apresenta-se como uma importante estratégia para diminuição do desperdício, agregação de valor aos resíduos, geração de renda para os pequenos produtores e ainda se configura como uma nova opção para a indústria de produtos cárneos e para os consumidores de forma geral.

Autores: Bianca Helena Leão Nunes *; Janille Valentim de Andrade  ;Thamirys Lorranne Santos Lima ; Elisabete Piancó de Sousa ; Emanuel Neto Alves de Oliveira ; João Vitor Fonseca Feitoza ; Rerisson do Nascimento Alves

Consultar afiliações no livro

DOI: doi.ordoi.org/10.53934/9786599539664-39

ISBN: 978-65-995396-6-4

Capítulo do livro: Ciência e Tecnologia de Alimentos: Pesquisas e Avanços

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta

//
//
Jaelyson Max
Atendimento Agron

Me envie sua dúvida ou problema, estou aqui para te ajudar!

Atendimento 100% humanizado!