CONTAMINAÇÃO DE AMOSTRAS DE PEITO DE AVES DEFUMADAS POR HIDROCARBONETOS POLICÍCLICOS AROMÁTICOS

Resumo: Os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPAs) podem ser encontrados em produtos cárneos defumados e, devido aos efeitos altamente tóxicos que podem causar no organismo humano, o monitoramento em produtos alimentícios é fundamental. O objetivo deste estudo foi avaliar os teores de quatro HPAs em produtos de aves defumados, incluindo chester, frango e peru. Os procedimentos analíticos empregados foram saponificação, extração líquido-líquido e purificação com cartuchos de extração em fase sólida de sílica. A quantificação foi realizada por cromatografia líquida de ultra eficiência com detecção por fluorescência. Os resultados mostraram que o hidrocarboneto encontrado com maior frequência foi o criseno e apenas uma amostra de peito de peru foi considerada insatisfatória, com teores dos quatro HPAs acima do preconizado na legislação.

Autores: Simone Alves da Silva1; Adriana Palma de Almeida2; Gustavo Zanetti de Rossi3; Gloria Maria Guizellini4; Elizabeth Aparecida Ferraz da Silva Torres5; Geni Rodrigues Sampaio6

Consultar afiliações no livro

DOI: https://doi.org/10.53934/9786599539657-36

Capítulo do livro:

PESQUISAS E ATUALIZAÇÕES EM CIÊNCIA DOS ALIMENTOS

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta