DIAGNÓSTICO BIOCLIMÁTICO PARA PRODUÇÃO DE MELÃO NO MUNICÍPIO DE PATOS – PB

Resumo: A condições ambientais que possibilitam o cultivo do meloeiro estão relacionadas, sobretudo, aos fatores climáticos, tais como temperatura, luminosidade, umidade relativa do ar e características do solo e, a junção dessas condições pode favorecer ao meloeiro aumentar a produtividade de frutos e qualidade comercial. A pesquisa teve como objetivo avaliar as condições climatológicas e verificar a viabilidade da produção de melão cantaloupe no município de Patos, região semiárida paraibana. Os dados meteorológicos utilizados foram obtidos no Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), no período de 2000 a 2020, sendo os elementos meteorológicos avaliados às temperaturas máximas, médias e mínimas e umidade relativa do ar, confrontando-se os dados obtidos com os dados ideais para a produção do melão. instalações para seu cultivo.   Constatou-se que no município de Patos apresenta durante o ano temperaturas máximas acima das exigidas pelo melão em todas as fases produtivas, sendo que temperaturas acima de 35 °C, como ocorre nos meses de outubro a janeiro.

Autores: Ricardo de Sousa Silva1; Dermeval Araújo Furtado2; Lucimere Maria da Silva Xavier3; Nágela Maria Henrique Mascarenhas4; Maria Geovânia Dias da Silva5; Vitor da Silva Rodrigues6; Aíla Rosa Ferreira Batista7

Consultar afiliações no livro

DOI: https://doi.org/10.53934/9786599539657-103

Capítulo do livro:

PESQUISAS E ATUALIZAÇÕES EM CIÊNCIA DOS ALIMENTOS

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta