VITAMINA K: HISTÓRICO E NOVAS PERSPECTIVAS

Resumo: A vitamina K é uma das quatro vitaminas lipossolúveis essenciais ao organismo. Sua principal função e a mais conhecida é atuar no processo de coagulação sanguínea. Estudos mais recentes, porém, têm demonstrado a relação entre os níveis inadequados de vitamina K no organismo com o desenvolvimento de diversas outras patologias como a aterosclerose, câncer, diabetes e doenças neurodegenerativas como Parkinson e Alzheimer. As fontes de vitamina K mais popularmente conhecidas são os vegetais de folhas verdes, porém, essas apresentam somente a vitamina K1. Atualmente, destaca-se o nattô, um alimento típico japonês à base de soja fermentada, como a principal fonte de vitamina K2, sua forma associada a efeitos além da coagulação sanguínea. A ingestão diária recomendada (IDR) de vitamina K tem sido muito discutida, pois atualmente estabelece-se apenas a IDR para a vitamina K, sem distinção entre as vitaminas K1 e K2. Tendo em vista os vários questionamentos em relação à vitamina K, o trabalho teve como objetivo apresentar uma atualização sobre esta importante vitamina, descrevendo um breve histórico sobre sua descoberta, suas principais fontes, as funções plenamente reconhecidas e as perspectivas sobre as novas evidências atribuídas especialmente à vitamina K2.

Autores: Lucile Tiemi Abe-Matsumoto

Consultar afiliações no livro

DOI: https://doi.org/10.53934/9786599539657-118

Capítulo do livro:

PESQUISAS E ATUALIZAÇÕES EM CIÊNCIA DOS ALIMENTOS

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta

//
//
Jaelyson Max
Atendimento Agron

Me envie sua dúvida ou problema, estou aqui para te ajudar!

Atendimento 100% humanizado!