ADIÇÃO DE FRUTAS NA PRODUÇÃO DE CERVEJA: REVISÃO

Resumo: A cerveja, apreciada por muitos e ganhando cada vez mais consumidores, é a bebida alcoólica mais consumida no Brasil. O constante e exponencial crescimento deste mercado, juntamente com a busca por produtos diferenciados, faz com que a cerveja seja produzida com além de seus quatro ingredientes básicos. As frutas são alimentos ricos nutricionalmente, possuem cores, aromas, texturas e sabores únicos, e nosso país possui uma diversidade frutífera em todas as suas regiões. O uso de adjuntos na produção de cerveja é permitido em até 45% o peso em relação ao extrato primitivo, seu uso busca melhorar as características sensoriais, organolépticas e físico-químicas da bebida, além de reduzir custos de produção. Um ingrediente em potencial usado como adjunto no processo cervejeiro são as frutas, pois além de sua contribuição em fornecer cores, sabores, aromas, texturas, macro e micronutrientes e compostos fenólicos para a cerveja, elas possuem açúcares fermentescíveis que contribuem no processo de fermentação da cerveja. Diante disso, este estudo faz uma revisão de literatura, através de um levantamento bibliográfico considerando trabalhos que avaliam o uso de frutas na produção, evidenciando o que é a cerveja e a importância da utilização desses adjuntos em seu processo produtivo.

Autores: Aline Finatto Alves; Márcia Liliane Rippel Silveira; Vanessa Pires da Rosa, Andréia Cirolini

DOI: https://doi.org/10.53934/9786599539633-96

Capítulo do livro:

Produção Animal e Vegetal: Inovações e Atualidades

Fundada em 2020, a Agron tem como missão ajudar profissionais a terem experiências imersivas em ciência e tecnologia dos alimentos por meio de cursos e eventos, além das barreiras geográficas e sociais.

Deixe uma resposta

//
//
Jaelyson Max
Atendimento Agron

Me envie sua dúvida ou problema, estou aqui para te ajudar!

Atendimento 100% humanizado!